Fundadores

Jupira Maurina da Graça Oliveira

A corredora Jupira, nascida em Itajaí-SC, durante sua longa carreira atlética com duração de 23 anos, dedicou com muita determinação esta fase da sua vida à sua grande paixão, o Atletismo.

Vestiu as camisas das melhores equipes de atletismo no Brasil e conquistou muitos títulos para o nosso país. Foi detentora por 15 anos do recorde brasileiro juvenil na prova de 200 metros (23.41). Era especialista também nas provas de 400 metros, 400 com barreiras, revezamentos 4x100m e 4x400m.

Foi campeã brasileira e sulamericana por vários anos destas provas. Conquistou a medalha de Bronze no Ibero Americano da Espanha, 1997 e Portugal 1997. Representou o Brasil nos 400m rasos nos seguintes Mundiais de Atletismo de Juvenis: Grécia, Canadá e Alemanha. Residiu por dois anos e meio na cidade de San Diego, Califórnia, onde participou de várias competições e torneios universitários de atletismo.

É professora de Educação Física e Especialista em Ginástica Laboral. Atuou de 2007 até 2014 na coordenação das atividades físicas dos colaboradores da empresa Metrô Rio: Concessão Metroviária do Rio de Janeiro S.A.

Atualmente, Jupira exerce o cargo de presidente no Instituto Internacional Correr Bem, onde desenvolve programas de atividades físicas para a descoberta de jovens talentos no atletismo e na melhora do condicionamento físico de pessoas de diferentes faixas etárias.

Recordes Pessoais

100 metros 11.73
200 metros 23.41
400 metros 53.30
400m c/Barreiras 57.41
800 metros 2:08.25

Jorge Luis da Silva

O corredor Jorge, nascido em Petrópolis-RJ, que ainda muito jovem, despertou o interesse pela prática de atividades esportivas, em especial as modalidades do atletismo, ingressando pra valer aos 12 anos de idade nas corridas de rua de sua cidade natal. Na sua carreira de atleta, figurou entre os dez primeiros na prova dos 10 mil metros rasos no Campeonato Brasileiro Juvenil de 1997. Neste mesmo ano foi campeão juvenil na 1ª Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro. Durante sua carreira de atleta, despertou o interesse em aprofundar seus conhecimentos pedagógicos voltados para o treinamento esportivo e descoberta de jovens talentos, isso o tornou colaborador na preparação física dos seus companheiros atletas.

Jorge Luís da Silva encerrou sua brilhante carreira com diversas conquistas e títulos nas provas de meio fundo e fundo. E logo, iniciou sua transição de atleta para treinador, desempenhando com êxito a função de assistente técnico da equipe Pé de Vento em Petrópolis.

Com a notoriedade no meio esportivo do excelente desempenho de suas funções como assistente técnico da equipe Pé de Vento, recebeu a convocação da Confederação Brasileira de Atletismo para dirigir a Seleção Brasileira no Campeonato Mundial de Meia Maratona, realizado em Portugal no ano de 2003 e logo em seguida foi convocado para o Mundial de Cross Country, realizado no Japão em 2006.

Colaborou diretamente na preparação técnica e física de grandes atletas, como: Franck Caldeira (Campeão da São Silvestre 2006 e dos XV Jogos Pan-Americanos Rio 2007), Reginaldo Júnior (Tricampeão Brasileiro dos 10 mil metros rasos), Daniel Chaves (Índice para o Campeonato Mundial de Juvenis – realizado em 2006, Pequim).

No ano de 2004 através do ensino e aprendizagem no atletismo, o Professor Jorge Luis da Silva promoveu o desenvolvimento da igualdade de oportunidade para os jovens da comunidade do Caxambu, desempenhando esta ação positiva foi convidado pela Fundação Vale para trabalhar no Projeto Estação do Conhecimento, aonde trabalhou intensamente promovendo as atividades de ensino e aprendizagem no atletismo.

Atualmente, Jorge exerce o cargo de Tesoureiro no Instituto Internacional Correr Bem, onde desenvolve um papel importante para manter a organização, a transparência e a disciplina na instituição.

Edgar Martins de Oliveira

O corredor Edgar, nascido em Ibititá-BA, encerrou sua carreira de atleta Olímpico em 2003 e começou atuar na gestão de esportes e organização de mega eventos esportivos junto ao Comitê Olímpico Brasileiro, Confederação Brasileira de Atletismo e Federação de Atletismo do Estado do Rio de Janeiro.

Graduado em Educação Física com pós graduação em Administração e Marketing Esportivo pela UGF-RJ. É Especialista em periodização do treinamento para atletas corredores de pista e rua em todas as faixas de idades. Nos anos de 2016/17, foi Gerente de Esportes do Centro Nacional de Treinamento – CNTA/RJ; em 2011 foi Coordenador Esportivo no programa de descoberta de jovens talentos (10 a 17 anos) Brasil Vale Ouro da Fundação Vale: Atletismo, Futebol e Judô.

Edgar é um verdadeiro estudante das modalidades no atletismo, conhecedor da metodologia do treinamento esportivo da maioria dos técnicos brasileiros e internacionais. Também, é um profundo pesquisador das ciências que envolvem o estudo da prática esportiva, como: fisiologia do exercício, psicologia do esporte, nutrição esportiva e biomecânica aplicada. Todavia, o conhecimento adquirido por Edgar não foi somente absorvido em seus inúmeros livros expostos em sua biblioteca pessoal, Edgar teve o privilégio de vivenciar na prática a experiência de se preparar fisicamente e psicologicamente para qualificar-se e representar o Brasil nos Jogos Olímpicos de Barcelona (1992) e Atlanta (1996).

Ao longo de sua carreira, conviveu e treinou com os medalhistas e melhores atletas de meio-fundo do país, como: Agberto Guimarães, Joaquim Cruz, Zequinha Barbosa, Osmar Barbosa, Wander do Prado Moura, Hudson de Souza e Daniel das Neves.

Carreira Atlética – Durante sua carreira atlética com duração de 15 anos, Edgar obteve expressivas marcas e títulos nacionais e internacionais nas provas de 800m até 5000m. Uma das mais importantes conquistas de sua carreira foi ter alcançado o índice A exigido (3min37seg nos 1500m) para os Jogos Olímpicos de Atlanta em 1996. Antes deste feito, conquistou em 1995 a medalha de prata no mundial de revezamento de maratona na Dinamarca, para realizar este feito executou diariamente com muita dedicação e perseverança os árduos treinamentos para alcançar os índices de qualificação exigidos pela Federação Internacional de Atletismo – IAAF. Concretizando assim, o seu objetivo de representar pela segunda vez na sua carreira o Brasil no evento esportivo mais importante do planeta.

Atualmente, Edgar exerce o cargo de Coordenador Técnico no Instituto Internacional Correr Bem, onde desenvolve programas de atividades físicas para a descoberta de jovens talentos no atletismo e na melhora do condicionamento físico de pessoas de diferentes faixas etárias.

Recordes Pessoais

800 metros 1’46”55
1000 metros 2’18”80
1500 metros 3’34”80
Milha (1.609m) 3’53”30
2000 metros 5’06”33
3000 metros 7’52”51
5000 metros 13’38”52
10000 metros 29’02”00
Tamanho do Texto
Constraste